Home / Destaque / PF abre operação cartão vermelho para ver possíveis irregularidades na obra da Fonte Nova

PF abre operação cartão vermelho para ver possíveis irregularidades na obra da Fonte Nova

 

Um escritório localizado no Shopping Max Center, no bairro do Itaigara, em Salvador, é um dos endereços visitados pela Polícia Federal na manhã desta segunda-feira (26) na operação Cartão Vermelho. De acordo com informações da TV Bahia, o escritório é o Parceria Inteligente.

A residência do ex-governador Jaques Wagner também foi alvo de mandados de busca e apreensão na ação da PF que investiga irregularidades no contrato de reconstrução e gestão da Arena Fonte Nova.

A operação Cartão Vermelho investiga irregularidades na contratação dos serviços de demolição, reconstrução e gestão do estádio Arena Fonte Nova e cumpre sete mandados de  busca e apreensão autorizados pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) em órgãos públicos, empresas e endereços residenciais dos envolvidos no esquema.

Dentre as irregularidades já evidenciadas no inquérito policial estão fraude a licitação, superfaturamento, desvio de verbas públicas, corrupção e lavagem de dinheiro. A Polícia Federal afirma que as investigações mostram um direcionamento na licitação que culminou com a Parceria Público Privada nº 02/2010 na gestão do ex-governador Jaques Wagner. O processo teria sido direcionado para beneficiar o consórcio Fonte Nova Participações (FNP), formado pelas empresas Odebrecht e a OAS.

A obra, segundo laudo pericial, foi superfaturada em valores que, corrigidos, podem chegar a mais de quatrocentos e cinquenta milhões de reais, sendo grande parte desviado para o pagamento de propina e o financiamento de campanhas eleitorais.
 

Veja Também

Theresa May deixa o cargo de primeira-ministra do Reino Unido no dia 07 de Junho

Share this on WhatsApp A primeira-ministra britânica, Theresa May, anunciou nesta sexta-feira (24) que vai deixar ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *