Ataque a tiros no Texas deixa ao menos 20 mortos no Texas

0

EL PASO, EUA – Um suspeito foi detido neste sábado após um ataque a tiros em um centro comercial da cidade americana de El Paso , no Texas , que matou ao menos 20 pessoas, segundo o governador Greg Abbott. O chefe de polícia, Greg Allen, afirmou que o ataque deixou 26 feridos.

 

O ataque a tiros começou por volta das 11h, perto do centro Cielo Vista Mall, que concentra vários restaurantes e é muito movimentado nos finais de semana. O suspeito, identificado como Patrick Wood Crusius, morador de Dallas , que completou 21 anos na semana passada, começou a atirar perto de uma loja do Walmart.

Uma mulher, que ia à loja para fazer compras, contou à Fox News que escutou um som “como fogos de artifício” enquanto procurava uma vaga no estacionamento. Dentro da loja, ela assistiu ao ataque.

Câmera interna mostra homem identificado como Patrick Crusius, de 21 anos, entrando em supermercado em El Paso, no Texas: 18 pessoas foram mortas em ataque Foto: COURTESY OF KTSM 9 / AFP
Câmera interna mostra homem identificado como Patrick Crusius, de 21 anos, entrando em supermercado em El Paso, no Texas: 18 pessoas foram mortas em ataque Foto: COURTESY OF KTSM 9 / AFP

 

— Eu me dirigi à saída e vi um homem de camiseta preta e calça camuflada que levava algo que parecia ser um rifle, apontava para as pessoas e disparava contra elas — contou. — Vi três ou quatro pessoas caindo.

O restaurante Landry’s Seafood, House abriu suas portas para dar refúgio a funcionários do Wallmart.

— Você vê nas notícias, mas nunca pensa que vai acontecer, até que acontece — disse à CNN o gerente do restaurante, Oscar Collazo.

O University Medical Center de El Paso recebeu ao menos 13 pacientes, incluindo alguns que morreram depois. Duas das vítimas eram crianças que foram transferidas para o Hospital Infantil de El Paso.

Mais tarde, o prefeito de El Paso, Dee Margo, disse que a situação estava sob controle e não havia mais riscos:

— É uma tragédia, não consigo entender.

Na tarde de ontem, noite no Brasil, a polícia ainda fazia buscas em uma área extensa nos arredores e no interior do supermercado. O FBI também está atuando na cena do crime.

— Hoje a comunidade de El Paso foi atingida por um ato de ódio e violência sem sentido — disse Abbott. — O Departamento de Segurança Pública estadual está auxiliando as forças policiais locais e federais para que essa tragédia chegue ao fim da maneira mais segura e rápida possível.

Vídeos que circulam pela internet mostram pessoas assustadas correndo das lojas do shopping com as mãos levantadas. O supermercado fica na região leste de El Paso, cidade que faz fronteira com Ciudad Juárez , no México . Segundo a polícia os tiros aconteceram entre as ruas Hawkins e Gateway East, onde está localizada a loja do Walmart. A direção do supermercado disse estar “chocada” com o crime.

 

O presidente americano Donald Trumppostou no Twitter que as notícias de El Paso eram “muito ruins, muitos mortos”. Ele escreveu: “Estamos trabalhando com as autoridades estaduais e locais. Falei com o governador para oferecer apoio total ao governo federal. Deus esteja com todos vocês!”

Os Estados Unidos registram casos recorrentes de ataques a tiros, sem vítimas específicas. Este é o segundo caso de tiroteio em uma unidade da rede Walmart nesta semana. Na terça-feira passada, duas pessoas morreram e um policial foi ferido em uma loja da rede supermercado no estado do Mississippi.

No domingo, três pessoas, incluindo uma criança de 6 anos, morreram quando um jovem de 19 anos entrou armado em um festival gastronômico em Gilroy, Califórnia , ao sul de São Francisco, e abriu fogo contra as pessoas que estavam no local.

 

O Globo