Vitória e Ponte Preta fazem jogo burocrático e ficam no empate

0

Buscando vencer duas partidas seguidas pela primeira vez na Série B, e também se afastar de vez da zona de rebaixamento, o Vitória recebeu a Ponte Preta no Barradão e fizeram um primeito tempo fraco tecnicamente, com muitos erros de passe e, mesmo com muita vontade faltou inspiração dos atletas. Mesmo em casa, o Vitória não levou perigo ao gol da Ponte Preta, que chegou com perigo apenas duas vezes.

A segunda etapa foi “sem sal” e ainda mais sem inspiração por parte de ambas as equipes. O que chamou atenção, é que o Vitória não conseguiu assustar o goleiro da Ponte Preta durante os 90 minutos.

PRIMEIRO TEMPO

Após cobrança de lateral direto na área, aos 13′, a bola sobrou para Camilo, que chutou de primeira. Ronaldo defendeu com os pés e depois encaixou.

Aos 19′, Apodi recebeu nas costas da defesa, após lindo passe de Bruno Rodrigues, e tocou por cobertura. Rafael Carioca, sozinho no lance, quase marcou um gol contra bizarro ao tentar cortar.

SEGUNDO TEMPO

Vitória começou tentando controlar as ações ofensivas no segundo tempo, a Ponte marcava à distância e o Leão não conseguiu furar a defesa alvinegra.

Aos 21′, Lazaroni cobrou escanteio, defesa do Vitória afastou, e Apodi arriscou na sobra. Chute saiu forte, mas ganhou altura e foi para fora.

Lazaroni cobrou escanteio na primeira trave, aos 27′, e Barreto desviou de cabeça, mas mandou para fora.

Aos 39′, Luan Dias tabelou com Matheus Peixoto e arriscou de fora da área. Ronaldo encaixou com facilidade.

FICHA TÉCNICA:
Vitória x Ponte Preta – Série B (22ª rodada)

Data: 20 de novembro de 2020 (sexta-feira)
Horário: 16h30
Local: Barradão
Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF)
Auxiliares: Lehi Sousa Silva e Kleber Alves Ribeiro (ambos do DF)
Cartões amarelos: Ruan Renato (PON), Dawhan (PON), Lucas Cândido (VIT), Ruan Nascimento (VIT)

VitóriaRonaldo; Léo Morais, Wallace, Maurício Ramos e Rafael Carioca; Guilherme Rend, Matheus Frizzo (
Ruan Nascimento) e Fernando Neto(Lucas Cândido); Thiago Lopes (Júnior Viçosa), Vico (Mateusinho) e Léo Ceará. Técnico: Eduardo Barroca

Ponte PretaYgor Vinhas, Apodi (Guilherme Pato), Wellington Carvalho, Ruan Renato e Guilherme Lazaroni; Barreto, Dawhan, Camilo (Neto Moura) e Barreto (Luan Dias); Bruno Rodrigues e Wanderley (Matheus Peixoto). Técnico: Marcelo Oliveira