São Sebastião do Passé: Jornal aponta que Nilza da Mata é acusada de lavagem de dinheiro e compra de votos

0

A ex-vereadora, Nilza da Mata, de São Sebastião do Passé, foi acusada de lavagem de dinheiro e compra de votos. De forma misteriosa e anônima, jornais com o nome “A hora da madrasta” chegaram na casa de moradores e se espalharam pelo município.

Segundo o próprio jornal, para o pleito eleitoral de 2018, foram destinados mais de um bilhão e setecentos milhões de reais para as campanhas eleitorais. Ainda segundo informações do panfleto, em 2018, para a campanha de deputada estadual (2018), Nilza recebeu a quantia de aproximadamente meio milhão de reais (R$ 469.226,00) como pode verificar aqui: http://divulgacandcontas.tse.jus.br/divulga/#/candidato/2018/2022802018/BA/50000605242.

Segundo informações de populares, o jornal anonimo circulou na cidade por volta de 15 dias atrás, veja a ilustração:

O jornal relata “Que todos que receberam ou foram declarado pela campanha de Mata, devem acertar as contas com o Leão”.

Nossa equipe entrou em contato com Nilza da Mata, mas até o fechamento desta matéria não obtivemos retorno, deixando o espaço aberto para os possíveis esclarecimentos.