Rosemberg protocola Moção de Repúdio na AL-BA contra ataques homofóbicos a jornalista

0

Diante do atual cenário de intolerância, desde que Jair Bolsonaro assumiu a presidência da República, no qual jornalistas têm sido vítimas de ataques nas redes sociais, o deputado estadual e líder da Maioria na Assembleia Legislativa da Bahia, Rosemberg Pinto (PT), apresentou Moção de Repúdio às manifestações, consideradas homofóbicas, proferidas pelo secretário de Trabalho, Esporte e Lazer de Salvador e membro do PSL baiano, Alberto Pimentel, contra o jornalista Henrique Brinco, repórter do site Bocão News e do jornal Tribuna da Bahia. O documento será publicado no Diário Oficial do Legislativo desta quinta-feira (4).

Segundo Rosemberg, “como todos sabem, a liberdade de expressão é direito de suprema importância para que a sociedade conheça e se defenda de possíveis arbitrariedades cometidas pelo poder público e condição primordial para que o Estado seja caracterizado como democrático”.

“Os ataques feitos por um membro do 1º escalão do governo ACM Neto ao profissional agridem a liberdade de expressão e a livre imprensa, instrumentos da democracia e da defesa dos direitos fundamentais, considerados prioridade no âmbito da sociedade”, destacou, em nota.

O deputado lembra que Rui Barbosa já dizia que “a palavra aborrece tanto os Estados arbitrários, porque a palavra é o instrumento irresistível da conquista da liberdade. Deixai-a livre, onde quer que seja, e o despotismo está morto”.

 

 

 

 

Bocão News