Fernando Rocha faz desabafo e fala em ‘tapete puxado’ em saída da Globo

0

O apresentador Fernando Rocha falou sobre sua saída da Globo, onde apresentou o programa Bem Estar, e fez críticas à emissora em entrevista ao canal do YouTube Pingue Pongue com Bonfá nesta quarta-feira, 24.

Fernando Rocha foi questionado pelo apresentador: “Por que você deixou o comando do Bem Estar? O que ocorreu de verdade? Alguém puxou o seu tapete?”

“Existem milhões de maneiras de administrar o problema que é a audiência na manhã brasileira. Foi dada a uma pessoa essa função. Ela achou melhor tirar o programa. No programa existia eu e a Mariana [Ferrão]. Eu e a Mariana tivemos que sair. Eu e Mariana saindo, existia um tapete ali em baixo, a gente saiu junto com o tapete. Aí entra o prisma… A gente saiu, saiu o tapete também. De alguma forma, o tapete foi puxado pra gente sair”, respondeu Fernando.

Na sequência, continuou: “Eu digo ‘de alguma forma’ porque se eu estivesse no lugar de quem estava administrando, talvez eu fizesse a mesma coisa. Hoje, passados já seis meses do episódio, talvez tivesse a mesma atitude, porque as funções deixam as pessoas com essas atribuições.”

“O tempo que nos foi dado foi muito bem aproveitado. Não tenho mágoa. A instituição que me criou, que me fez ser quem eu sou, é muito maior que a pessoa que teve essa prerrogativa de chegar e me falar: ‘Fernando, você não faz mais parte dos planos’. Ela só foi essa pessoa que teve essa função. Mas eu passei 30 anos na emissora. Aprendi muito, criei meus filhos, me tornei quem eu sou, sou muito grato à TV Globo”, concluiu.

Demissão de Fernando Rocha ‘demorou três minutos’

Sobre o anúncio de sua demissão, Fernando Rocha contou que “demorou pouco mais do que três minutos. ‘Olha, é isso aí, acabou, o contrato não vai ser renovado e é vida que segue’.”

“Foi um comunicado rápido, porque quem fez é uma pessoa muito objetiva, não é de muitos afagos e não tem muito contato comigo. Eu não esperava uma coisa muito demorada”, explicou.

Fernando Rocha afirma que não se emocionou, apesar de ter sido surpreendido: “Não chorei. A emissora foi super justa comigo. Eu tinha mais seis meses de contrato, eu recebi esses seis meses, fiquei livre para fazer as atividades que eu tinha. Não tenho nada para dizer.

“Eu fui pego de surpresa. Mas dentro dessa surpresa, eu não estava mais nos planos. Se eu não estou dentro dos planos, a surpresa tem que ser assimilada, né?”, prosseguiu.