Com aval de Bolsonaro, novo ministro quer privatizar Petrobras e pré-sal

0

 

O novo ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida, afirmou há pouco que sua primeira ação à frente da pasta será iniciar os estudos para a privatização da Petrobras. Ele também defendeu um esforço conjunto com o Congresso Nacional para que a Eletrobras seja também desestatizada.

“Meu primeiro ato como ministro de Minas e Energia é solicitar ao ministro Paulo Guedes, presidente do conselho do PPI, que leve ao conselho a inclusão da PPSA no PND (Plano nacional de Desestatização) para avaliar as alternativas para a sua desestatização. Ainda como parte do meu primeiro ato, solicito também o início dos estudos tendentes a proposição das alterações legislativas necessárias a desestatização da Petrobras”, declarou o ministro.

Ele afirmou também que as medidas anunciadas hoje foram discutidas e são demandas do presidente Jair Bolsonaro. Ele, porém, não fez qualquer menção a uma eventual alteração na política de preços da Petrobras, sinalizando que não fará mudanças neste sentido.