Canonização de Irmã Dulce é sonho realizado de ‘milhares de baianos’, diz Rui Costa

0

O governador Rui Costa (PT) exaltou a canonização de Irmã Dulce pelo papa Francisco, na manhã deste domingo (13), na praça São Pedro, no Vaticano, na Itália.
Em vídeo, o petista que acompanhou a cerimônia no Vaticano, ao lado da primeira-dama Aline Peixoto,

“É a celebração que realizou o sonho de milhares de baianos, nordestinos e brasileiros, com a canonização de Irmã Dulce, agora Santa Dulce dos Pobres. Agora, aguardamos a nossa missa, no próximo domingo, em Salvador. É um sonho realizado, o reconhecimento de alguém que dedicou a vida a cuidar do próximo”, disse Rui.

A freira baiana, que dedicou sua vida ao pobre, ao doente, ao mais necessitado, passará a ser chamada de Santa Dulce dos Pobres e terá como data litúrgica o dia 13 de agosto. A religiosa, conhecida como o Anjo Bom da Bahia, é a primeira santa de nosso tempo nascida no Brasil e sua canonização é a terceira mais rápida da história (27 anos após seu falecimento), atrás apenas do Papa João Paulo II (9 anos após sua morte) e de Madre Teresa de Calcutá (19 anos após o falecimento da religiosa).

Na segunda-feira (14), acontece a primeira missa em honra da Santa, às 10h, na Basílica Sant’Andrea della Valle, localizada em Corso Vittorio Emanuelle II, em Roma (Itália). A celebração será presidida pelo Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger. Para participar da missa do dia 14, não é necessário ingresso.

Já no próximo domingo (20), em Salvador, acontecerá a primeira celebração no Brasil pela Canonização de Irmã Dulce, a partir das 12h30, na Arena Fonte Nova (abertura dos portões ao meio dia), com a expectativa de reunir 55 mil pessoas. A programação cultural e religiosa do evento na capital baiana contará com apresentações musicais, espetáculo teatral e missa presidida pelo Arcebispo Dom Murilo Krieger.

Entre as atrações, destaque para a participação dos cantores e Embaixadores de Irmã Dulce, Margareth Menezes, Waldonys, Saulo, Tuca Fernandes e Padre Antônio Maria durante a encenação do espetáculo “Império de Amor”. A peça vai levar ao palco mais de 600 atores, sendo 550 crianças e adolescentes do Centro Educacional Santo Antônio (CESA) – núcleo de educação das Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), além de idosos da instituição. Juntos eles vão contar a história do Anjo Bom da Bahia com números de teatro, dança e música.

A programação terá também a participação dos cantores Adelmário Coelho, Targino Gondim e do tenor Thiago Arancam. Os ingressos para a celebração na Arena Fonte Nova são gratuitos e serão distribuídos somente através das paróquias da Arquidiocese de Salvador, a partir do dia 1º de outubro. Criança, a partir de 2 anos, precisa de ingresso para acesso ao evento.

 

Bocão News